Como sobreviver ao puerpério?

20 Abr. 2022 / Maternidade / Saúde / Estilo de Vida / Dicas

Fonte: Lolly Brasil

O puerpério é aquele período de adaptação entre mãe e bebê. Ele é chamado assim, pois além de ser uma fase de muitas descobertas para ambos, é um período extremamente delicado também. 

 

Todos sabem que logo após dar à luz, a mãe precisa de uma quarentena para se estruturar, principalmente se ela passou por uma cirurgia cesariana. Esse tempo é chamado de “resguardo”.

 

Acompanhado disso, o puerpério entra em ação e dura, mais ou menos, três meses após o parto. Afinal, não é todo dia que você passa nove meses gerando um bebê, com hormônios a mil e emoções à flor da pele para poder se recuperar rapidamente de toda essa novidade que é ser mãe. 

 

Pensando em tranquilizar as mamães, separamos algumas dicas de como “sobreviver” ao puerpério sem muita teoria.

 

Confira!

 

6 dicas de como sobreviver ao puerpério

 

1 - Dedique seu tempo apenas ao seu bebê

 

Para sobreviver ao puerpério, é importante que a mulher que acabou de virar mãe entenda que todo o tempo que tiver nos primeiros meses deverá ser dedicado ao seu recém-nascido. Sabemos que isso pode ser uma dica difícil, uma vez que muitas mulheres subdividem as demandas da casa, trabalho e até outros filhos, mas pense que seu filho acabou de vir ao mundo e não entendeu ainda o que é estar separado de você. Por isso, quanto mais tempo puder, dedique a ele. Curta ao máximo os primeiros dias, pois eles passam voando.

 

2 -  Descanse!

 

Descansar é outra dica de ouro! Ter um bebê em casa e dedicar exclusividade a ele exige um pouco da atenção da mamãe. Por isso, sempre que puder, descanse! Aproveite os horários de soninho que são preciosos nos primeiros meses de vida e dê uma cochilada no sofá, tome um bom banho quente e deite na cama por alguns minutos. Isso te fará bem!

 

 

3 - Cuide da sua alimentação e beba muito líquido

 

No puerpério, a mamãe precisa estar com energia para poder amamentar o seu bebê, por isso, alimentar-se bem é muito importante. Pense em um cardápio saudável, rico em nutrientes como verduras, legumes e proteínas. Além de sustentar o metabolismo da mamãe, nutrirá o bebê através do leite materno.

 

Não se esqueça também de beber bastante líquido, por isso, invista em água mineral, sucos naturais (sem açúcar), água de coco e isotônicos. Os líquidos ajudarão você a ficar bem hidratada.

 

4 - Não recuse ajuda!

 

O puerpério é o período fatal, onde as emoções estarão à flor da pele. Por conta disso, permita-se ter alguém para ajudá-la. Quando falamos em se permitir, é para que deixe as pessoas próximas — amigos ou familiares — ajudarem você nessa fase. Então, se precisar de um auxílio nas tarefas domésticas, levar ou buscar o filho mais velho na escola e até mesmo no preparo de refeições, não hesite em pedir ajuda, e lembre-se do provérbio africano: “É preciso uma aldeia inteira para criar uma criança”.

 

5 - Ignore os “pitacos”!

 

Popularmente conhecido como “pitacos”, os palpites são os tradicionais conselhos vindos de muita gente para você neste momento. Mas, o que os palpiteiros e palpiteiras se esquecem é que você é a mãe e só você sabe do que é melhor para o seu bebê. Então, nossa dica é ignorar completamente os “pitacos” que chegam. Acredite no seu instinto e siga confiante!

 

6 - Reúna as mamães

 

Monte sua “aldeia” e esteja munida do maior amor que existe entre uma amizade fraterna que é: andar em bando (junto). Então, sempre que der, agende encontro com outras mães para que se sinta abraçada e acolhida. Isso, com certeza, te ajudará a sobreviver aos altos e baixos do puerpério.

 

Além de tudo que citamos, é importantíssimo a mãe que está na fase do puerpério se sentir acolhida por sua família. A família é a base que sustenta esse amor incondicional que toda mamãe sente ao parir. Não se esqueçam de fortalecer isso quando tiver alguma grávida no meio familiar.

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com alguma mamãe que está prestes a entrar no universo mágico e renovador do puerpério. Não se esqueça de compartilha com a #MyLollyBlog

 

Até a próxima!

 

Recomendados Para Você:

 

© Copyright 2019 - Lolly Baby - Todos os Direitos Reservados